11/10/2009

Dez Maneiras de Amar a Nós Mesmos


01. Disciplinar os próprios impulsos.
02. Trabalhar, cada dia, produzindo o melhor que pudermos.
03. Atender aos bons conselhos que traçamos para os outros.
04. Aceitar, sem revolta, a crítica e a reprovação.
05. Esquecer as faltas alheias sem desculpar as nossas.
06. Evitar as conversações inúteis.
07. Receber no sofrimento o processo de nossa educação.
08. Calar diante da ofensa, retribuindo o mal com o bem.
09. Ajudar a todos, sem exigir qualquer pagamento de gratidão.
10. Repetir as lições edificantes, tantas vezes quantas se fizerem necessárias, perseverando no aperfeiçoamento de nós mesmos, sem desanimar e colocando-nos a serviço do Divino Mestre, hoje e sempre.

O AMOR FECUNDA TODA A VIDA HUMANA

A felicidade é o verdadeiro fruto do amor, da esperança, da paciência e do sentido de justiça.
O amor evoca, multiplica o amor, desenvolvendo no homem a bondade, a honradez, a dignidade. Sensibiliza o ser humano a ser a esperança, a confiança, a praticar o bem e a cultivar sentimentos generosos para com o próximo.
O homem que ama é criativo, fraterno, amável,bondoso, sensível à dor do semelhante.
É terno, generoso, sincero nos seus propósitos, sabe discernir o que deve fazer, o que é o bem e o que é o mal.
Quando há amor no coração, há alegria nos sentimentos, luminosidade na vida, o homem passa a enxergar o lado bom das coisas, dirigindo sua
vontade para a consecução de seus objetivos e a realização do bem.
O amor abre os olhos da alma humana, colorindo sua vida, iluminando os caminhos da Terra, ensinando o homem a descobrir o seu próprio ser, a dignificar a pessoa, a perdoar.
O amor é o bem, a estrada e a procura da verdade, o desprendimento, a justiça, a igualdade, a fraternidade, a integração plena com o Criador.
A luz do amor faz nascer bons pensamentos, cria uma atmosfera de paz, autoconhecimento, contentamento, esperança.
O amor não tem preço, mas tem valor.
Não é mercadoria passível de compra; custa ao homem somente ter boa vontade, procurar se autoconhecer, fazer disciplina de vida.
O amor é sempre elemento vivo, energia indispensável à plenitude da existência. O exercício do amor constrói, revitaliza a harmonia humana, abre os olhos à verdade, à beleza, à humildade, à simplicidade, à paciência, à coragem, à superação, à bondade. É portanto, bênção para o homem, iluminação interior, evolução.
O homem que vive o dinamismo do amor está caminhando no processo da espiritualidade, tem consciência que mesmo nos momentos difíceis, críticos dolorosos, o amor ensina a renunciar.
O amor opera o prazer, a satisfação, a alegria, adoçando as lágrimas no sofrimento, consolando, ajudando o homem a descobrir o momento seguinte.
O amor sendo alegria, a felicidade, é generoso, fecunda toda a vida humana.

Dr. LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA/SBEE


PARA ACERTAR


 
Se queres acertar,
Atende estes preceitos:
 
Não tomes decisões
Sem que a prece te inspire.
 
Evita qualquer dor
Para os teus semelhantes.
 
Não fomentes o mal
Com atos ou palavras.
 
Procura não ser causa
Da desventura alheia.
 
Cumpre com o teu dever
E guarda a fé em Deus.
 
IRMÃO JOSÉ/Carlos A. Baccelli
Do livro ‘– Ed. Didier

O bem é sempre luminoso


É a mensagem dinâmica, viva, que expressa amor, esperança, fé no Criador.
O poder iluminador do bem é a força da verdade e da vida, da justiça e da paz, da fraternidade e da caridade, do amor e da esperança, da educação e da independência, da fé no Criador e da paz, do aprendizado e da evolução.


Quanto mais forte for a convicção do bem, mais expressiva se torna a força do autoconhecimento, conseqüentemente a atuação do homem será mais forte em benefício da vida e da permanente procura do equilíbrio humano.


A caridade é sempre suave e benéfica, trazendo ao praticante a alegria de viver.
Quando o ser humano caminha na procura da espiritualidade, sua vida se transforma em meditação, reflexão, que dilatam o seu conhecimento, estimulam o seu saber, revitalizam no seu ser o produzir e o captar sentido,em benefício da evolução do ser humano.
O homem forte é piedoso, sereno, paciente, corajoso, trabalhador, bom amigo, sabe falar suavemente, sempre respeitando o livre-arbítrio e a dignidade humana. Nas horas difíceis, nas lutas, nas tempestades, não perde a calma. Pacientemente, sabe esperar.Trabalhando , produzindo, transformando, faz a elevação do espírito. A prece é a substância,o alimento de toda a sua existência.


Oração e vigiliatura representam equilíbrio de vida. A fé no Criador, o pensamento construtivo, o exercício da caridade, não permitem que o homem espiritualizado sinta solidão, inquietude, angústia. Assim sendo, está sempre pronto para administrar as crises existenciais com amor, segurança e determinação.


O homem bom é aquele que se autoconhece, se auto-administra, é humilde, silencioso, sabe, a cada passo, fazer abnegação, estendendo as mãos, socorrendo, amando sem nada exigir, vivendo a alegria de servir ao próximo.


A espiritualidade traz ao homem a consciência de mudança, o senso moral da igualdade humana, a percepção de que a morte não existe, a felicidade do conhecimento, da vida eterna, da evolução do espírito.
O bem é sempre o caminho que constrói a verdade, é luminoso.

Dr. LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA/SBEE





Pensamentos e frases



Porque havemos de ser sempre inimigos uns dos outros, uma vez que olhamos todos para as mesmas estrelas, habitamos transitoriamente o mesmo planeta e respiramos sob o mesmo céu?

Oração Do Perdão