Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 12, 2010

PERANTE A CONSCIÊNCIA

** A Consciência Divina irriga-me com paz.   Os meus equívocos são elucidados, e acalmo-me, considerando as imensas possibilidades de equilíbrio que estão ao meu alcance. Diante de mim o presente, elaborando o futuro. O passado são as lições aprendidas e as vantagens do conhecimento servindo-me de suporte parta o crescimento interior.   Confio e renovo-me,  tranqülizando-me  no Bem.** 

Entre os flagelos íntimos que vergastam o ser humano, produzindo inomináveis
aflições, a consciência de culpa ganha destaque. Insidiosamente instala-se e, qual ácido destruidor, corrói as engrenagens da
emoção, facultando a irrupção de conflitos que enlouquecem. Decorrente da insegurança psicológica no julgamento das próprias ações, abre
um abismo entre o que se faz e o que se não deveria haver feito, supliciando,
com crueza, aquele que lhe sofre a pertinaz perseguição. Considerando a própria fragilidade, o indivíduo se permite comportamentos
 incorretos que lhe agradam às se…